RECIFE ANTIGO » Viagem ao passado via smartphone

Publicação: 01/08/2016 03:00

Visitantes puderam conhecer a história da Rio Branco através do uso do QR Code (WAGNER OLIVEIRA/DP)
Visitantes puderam conhecer a história da Rio Branco através do uso do QR Code

O operador de máquinas Maciel Alves, 47 anos, e sua filha saíram de casa ontem para um passeio de bicicleta. No meio do caminho, ambos tiveram a surpresa de conhecer uma Avenida Rio Branco como era na primeira metade do século 20. Eles puderam fazer uma visita virtual, via smartphone e QR Code, através da intervenção urbana Recife Imersivo. “Observei a avenida ainda com pedras portuguesas, a linha do trem, os casarões antigos e o Zepelim. Tudo em preto e branco. Foi uma boa oportunidade”, contou Maciel. A atração fez parte do Recife Antigo de Coração de ontem.

O projeto foi produzido pela Avi Rec - Artes Visuais Imersivas, Studio Z7, Preta Design e Eduardo Firme. “Fizemos pesquisas na Fundaj e no Museu na Cidade do Recife, no Forte das Cinco Pontas. A imagem está em 3D e quem não tinha o leitor de QR-Code no telefone para ver a foto acompanhou pelos celulares que nós disponibilizamos”, destacou o idealizador André Arruda. Para ver como era a avenida antigamente, o observador podia fazer um giro de 360 graus no celular.

Livros

Além de viajar no tempo, o público também pôde trocar boas ações por livros. A ação 1.001 maneiras de comprar um livro sem dinheiro, que tem como objetivo estimular a leitura e o consumo consciente, também aconteceu na Avenida Rio Branco, das 14h às 18h, oferecendo livros em troca de gestos como abraçar um desconhecido ou declamar uma poesia.

A avenida recebeu ainda a Ação do Coração, da Organização de Auxílio Fraterno. Durante a manhã, foram oferecidas oficinas de confecção de corações de diferentes materiais para multiplicar o amor na cidade. Para os pequenos, teve uma cama elástica e piscina de bolas na Avenida Marquês de Olinda durante todo o dia. A criançada contou ainda com jogos de tabuleiro e o projeto Escolinha de Bike, do Itaú e Compartibike, de estímulo ao cicloativismo infantil.
RECIFE ANTIGO » Viagem ao passado via smartphone

Publicação: 01/08/2016 03:00


O operador de máquinas Maciel Alves, 47 anos, e sua filha saíram de casa ontem para um passeio de bicicleta. No meio do caminho, ambos tiveram a surpresa de conhecer uma Avenida Rio Branco como era na primeira metade do século 20. Eles puderam fazer uma visita virtual, via smartphone e QR Code, através da intervenção urbana Recife Imersivo. “Observei a avenida ainda com pedras portuguesas, a linha do trem, os casarões antigos e o Zepel...